sexta-feira , 3 julho 2020
Home / Política / Prefeitura de Mandaguaçu firma parceria com Hospital Metropolitano de Sarandi

Prefeitura de Mandaguaçu firma parceria com Hospital Metropolitano de Sarandi



As negociações para a vinda do Hospital Metropolitano estão em andamento

Em Curitiba, o encontro entre o Prefeito Professor Índio com o Diretor Geral do Hospital Metropolitano de Sarandi, Conrado Ferri, rendeu frutos para a população de Mandaguaçu. Isso porque no dia 11 de dezembro ficou registrado os primeiros passos para a negociação de concessão para que o Hospital Metropolitano (HM) pudesse atender no município, através do convênio do Sistema Único de Saúde (SUS), nas instalações do Hospital São Lourenço (que deixou de atender pelo sistema público de saúde em 2019). Outras reuniões aconteceram, até que hoje (28) na Prefeitura Municipal de Mandaguaçu, ocorreu uma nova reunião para tratar dos assuntos técnicos entre o município e a diretoria do HM.

“Em dezembro o Diretor Geral do Hospital Metropolitano, Conrado Ferri, solicitou o apoio da Prefeitura para se instalar aqui e nos colocamos a disposição para facilitar essa transição”, explicou o Prefeito. De lá para cá, ocorreram as tratativas para a efetivação da parceria.

Ainda não há uma data prevista para que sejam iniciados os atendimentos no hospital, tendo em vista para que essa parceria seja efetivada, questões burocráticas na junta comercial devem ser tramitadas. “No momento a fase é de ajustes, a expectativa é que o hospital passe a oferecer de imediato 11 especialidades médicas tanto pelo SUS, quanto pelos convênios, número que pode ser quadriplicado ao longo dos primeiros meses de atendimento”, afirmou o Prefeito. Outra novidade mencionada na reunião técnica é a perspectiva de ampliação na oferta de leitos. No momento, o Hospital possui 55 leitos, número que poderá quase dobrar a partir da inauguração. A nova estrutura também deve contar com médico presencial durante 24 horas por dia, assim como acontecerá a recontratação de boa parte da equipe de funcionários que acabou sendo dispensada quando o Hospital São Lourenço encerrou o contrato com o SUS.

Para a Secretária de Saúde, Cristiane Amaral, a população de Mandaguaçu só tem a ganhar com a vinda do Hospital Metropolitano. “Por enquanto a população pode continuar procurando a Unidade Básica de Saúde (UBS) Central para os atendimentos de urgência e emergência”, orientou a Secretária.

Houveram muitas reuniões para a vinda do HM para Mandaguaçu. Entenda o calendário das negociações:

11/12/2019: Ocorreu a reunião em Curitiba-PR entre o Prefeito Professor Índio e o Diretor do Hospital Metropolitano de Sarandi.

23/12/2019: Aconteceu a reunião no escritório do Diretor do Hospital Metropolitano, com a participação do Médico Murilo.

23/12/2019: No período da tarde, foi realizado uma reunião na 15ª Regional de Saúde, com a presença do Prefeito Professor Índio, o Presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Márcio Navachi, o Vereador Fabrício Martelozzi, bem como os representantes do Hospital Metropolitano.

09/01/2020: No período da manhã, foi realizado uma reunião em Sarandi-PR, no Hospital Metropolitano, com a presença do Prefeito Professor Índio, o Diretor do HM, Conrado Ferri, também o Diretor Administrativo Anito Rocha, bem como o Engenheiro Nivaldo Martelosso.

09/01/2020: No período da tarde, ocorreu a reunião na 15ª Regional de Saúde de Maringá-PR.

10/01/2020: A chefia do Departamento de Vigilância Sanitária apresentou um documento para alinhamento da licença do Hospital.

23/01/2020: Aconteceu uma nova reunião no escritório do Diretor Geral do Hospital Metropolitano.

28/01/2020: Houve a reunião técnica junto ao Paço Municipal para definições da instalação do Hospital Metropolitano em Mandaguaçu.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Sobre leivid

CEO na SIGLOC (Empresa de Sistema de Gestão) e criador responsável pelo site de Mandaguaçu e página no facebook.


Veja Também

Governo prepara bases para criar 500 mil empregos no Estado

Afirmação foi feita pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior durante o lançamento, no Estado, do ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *